Como funciona o armazenamento dos alimentos na nossa cozinha? A gente te explica!

16 de junho de 2020

Dentro das Boas Práticas em Serviços de Alimentação existe a orientação do armazenamento adequado, segundo a Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) nº 216, de 15 de setembro de 2004, da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). 

Cada categoria de alimentos possui uma temperatura de armazenamento ideal. Exemplos: Alimentos que podem ser armazenados em temperatura ambiente e Alimentos que devem estar congelados. 

Aqui no Restaurante Cantinho do Pescador são seguidas estas recomendações, orientadas e monitoradas pela nutricionista Consultora de Alimentos. 

Armazenamento em temperatura ambiente (Estoque seco): as matérias primas, ingredientes e embalagens são guardadas em prateleiras adequadas e identificadas respeitando o prazo de validade, observada sua ordem de entrada. As embalagens possuem identificação de origem/procedência (nome do produto, nome do fabricante, endereço, número do registro, data de fabricação e prazo de validade). O ideal é que a temperatura do estoque seco se mantenha próxima dos 24°C. Em caso de transferência de produtos de embalagens originais para outras embalagens de armazenamento, deve-se transferir também o rótulo do produto original e utilizar o sistema de etiquetagem padronizada (assunto que foi abordado em publicação anterior). 

Armazenamento Congelado: os alimentos são armazenados em suas embalagens originais, com suas procedências e datas, na temperatura de -18°C. 

Armazenamento Refrigerado: o armazenamento segue os critérios de temperaturas para cada categoria de alimentos (exemplos: pescados, carnes, aves, alimentos manipulados ou cozidos). Exemplo: Carnes refrigeradas são armazenadas na temperatura entre 0°C e 4°C. Já para os pescados refrigerados a temperatura é de 0°C a 1°C. E assim, cada alimento é armazenado corretamente, nas suas respectivas temperaturas seguras. 

Todos os ALIMENTOS MANIPULADOS seguem um rigoroso controle de segurança alimentar no armazenamento, utilizando-se recipientes rasos (para rápida refrigeração), organizando a distribuição no refrigerador, seguindo a temperatura recomendada e identificando os alimentos com o sistema de etiquetagem (com data de produção e data de validade) Cada equipamento (refrigerador e congelador) possui uma Planilha de Registro de Temperatura, monitorada 2 vezes ao dia. Esta é uma das medidas de Segurança Alimentar. 

DICA PARA USAR EM SUA CASA: Quando houver necessidade de armazenar diferentes gêneros alimentícios em um mesmo equipamento, os alimentos prontos devem ser colocados nas prateleiras superiores, alimentos semiprontos e/ou pré-preparados nas prateleiras centrais, produtos crus nas prateleiras inferiores, separados entre si e dos demais produtos. Todos os alimentos armazenados devem estar embalados ou protegidos em recipientes fechados e em temperaturas adequadas.

 

Categories: Chef, Frutos do Mar